Versos e Tratados

A liturgia da escola Soto Zen compreende vários gêneros da literatura budista. As escrituras são numerosas, variadas em suas formas e extremamente ricas e diversificadas em seus conteúdos filosófico, ético e espiritual. Entre elas podemos citar: Sutras (Kyo), Mantras (Daranis), Tratados (Ron), Versos (Ge Mon) e Versos de Transferência (Eko Mon).

Disponibilizamos neste site aqueles que recitamos em nossas liturgias mais frequentemente.

A Identidade do Relativo e do Absoluto

Sandokai (Dias Ímpares)

Dedicatória Universal

Fu-Ekô

Recitado após as práticas

Gatha na Abertura do Sutra

Kaikyô gue

Leitura feita antes do inicio dos estudos e palestras

Invocação das Refeições

Gyo Hatsu Nenju

Recitado durante as refeições formais

O Refúgios nos Três Tesouros

Ti-sarana

O Samadhi do Espelho Precioso

Hokyozanmai (Dias Ímpares)

O verso de arrependimento

Sangue-mon

Os Quatro Votos do Bodisatva

Shigu-seigan-mon

Recitado após o Zazen do anoitece

Verso da Okesa

Recitado após o primeiro Zazen matinal, enquanto vestimos o manto.

Verso de Término do Período de Zazen

Recitado ao final do último período de Zazen do dia